nordest√£o (mais textos relacionados)

Resenha do Nordest√£o 2009

Victor Valdez, o goleiro campe√£o categoria Master.

Victor Valdés, o goleiro campeão categoria Master.

O Nordestão chegou e já foi embora, deixou saudades, este evento não é apenas uma competição deste esporte amador que mais cresce no País, ele representa para os amantes do botonismo também um grande ENCONTRO.

Sim porque este foi o terceiro Campeonato do Nordeste¬†e este evento¬† sempre re√ļne os principais jogadores de bot√£o e¬†tamb√©m as grandes lideran√ßas deste esporte na regi√£o.

Antigamente apenas uma vez por ano, quando se realizava o Campeonato Brasileiro, tínhamos a oportunidade de rever os amigos e amantes do botonismo e sabíamos que esta competição normalmente só acontece no Sul do País, as chances desses encontros eram menores e com menos participantes deste lado do Brasil.

Agora não,de três anos para cá podemos nos reunir mais, decidir mais nossos caminhos e poder mostrar que o Futebol de Mesa é um esporte realmente nacional.

Mas, o que √© bom dura pouco o 3¬ļ Nordest√£o j√° √© passado, restou apenas a certeza do dever cumprido daqueles que junto conosco participaram diretamente da organiza√ß√£o do evento.

Este Nordest√£o foi um verdadeiro sucesso, partidas memor√°veis ficar√£o na mem√≥ria dos participantes, como a virada sensacional do Botonista Joaquim de Alagoas no campeon√≠ssimo Pena que n√£o foi suficiente para lhe dar o t√≠tulo, teve tamb√©m a quebra de um tabu do Botonista Alexandre ‚Äúdo pente‚ÄĚ quando me venceu pela primeira vez em uma competi√ß√£o oficial.

Mas, sentimos também à ausência de grandes botonistas Pernambucanos da categoria adulto.

O pedido de licença dos grandes clubes Náutico, Sport e Santa Cruz filiados da FPFM, fizeram que seus botonistas ficassem sem clubes . Com a sáida dos clubes estes botonistas teriam que se cadastrar como INDEPENDENTES e muitos deles não o fizeram, ficando sem disputar o Campeonato Pernambucano e consequentemente sem Ranking para ser indicado pela FPFM.

Em compensação pudemos ver o esforço do botonista infantil Matheus da AABB que foi convidado para participar e disputou bravamente competindo com os jogadores adultos.

Sentimos também a falta de ZIG ZIG, cuja presença foi cobrada pelos colegas visitantes, devido ao seu carisma e perseverança mostrada na idade que tem, não entendemos também a ausência de coordenadores de clubes que disputaram o campeonato, como o da APFM.

Devemos louvar também a participação e contribuição efetiva da equipe da AABB Caruaru que contribuiu enormemente com o evento com a presença dos principais jogadores e com a ajuda no transporte e dos campos e sistema de som.

De parabéns a equipe do Piauí que venceu a distancia e mais uma vez participou com galhardia o Campeonato revelando no botonista Didi, uma nova promessa no esporte.

Parabéns também a delegação do Ceará que conseguiu que todos seus representantes levassem troféus, o que significa ficar sempre entre os quatro primeiros colocados, independente da categoria ou da série que disputaram.

Alagoas como sempre, veio com a maior delegação e também fez um excelente campeonato.

Quanto a Pernambuco o desempenho não poderia ser melhor, conseguiu vencer nas duas categorias e nas duas séries e continuou com a hegemonia dos 12 Toques no Futebol de Mesa no Nordeste.

Aprendemos muita coisa que servirão de lição para a organização de um evento maior, sempre cobrado pelos participantes, que é a realização de um Campeonato Brasileiro em Pernambuco.

Como consolo, temos apenas a certeza que um ano passa ligeirinho e da mesma forma e com o mesmo entusiasmo esperamos estar junto no IV NORDESTÃO que deverá realizado no nosso estado vizinho do Ceará.

Amigos botonistas de Pernambuco, Alagoas, Piau√≠ e talvez outros estados nordestinos que se incorporar√£o a modalidade 12 Toques, arrumemos nossas malas e RUMO AO CEAR√Ā 2010.

Abraços,

Armandinho.

Nordest√£o 2008