Dicas

TÉCNICA SOBRE BOTÕES – TIPOS E MODELOS

CARACTERÍSTICAS DOS BOTÕES – DADOS TÉCNICOS

Normalmente quando iniciamos como botonistas muitas dúvidas surgem, tais como:

Que tamanho de botão eu uso?

Qual a altura ideal?

Qual a melhor caída (ou grau) que o botão deve ter?

Todas essas dúvidas surgem à medida que você começa a observar os jogos de veteranos.

Dá para constatar observando os times de grandes Campeões, quando comparamos os times deles  notamos tipos e modelos de botões diferentes , alguns usam botões fechados (tipo Tampa) outros usam tipo Argola, uns jogam com todos os botões do mesmo tamanho outros jogam com os atacantes menores, uns os botões são mais finos outros mais grossos, alguns preferem botões com caídas grandes (tipo 25º) outros, caídas pequenas (18º graus) etc.

São muitas as diferenças e as opções que se pode utilizar, por isso segue abaixo algumas dicas para aqueles que estão começando jogos a modalidade 12 Toques.

1) Qual tamanho de botões se deve usar?

Isto, como alguns outros itens que abordarei, varia muito e é por demais particular.

Exemplo: Se você escolhe jogar com todos os botões grandes, ou seja, no tamanho máximo terá vantagens e desvantagens.

Como vantagem podemos citar que se você opta por um time maior tem condições de fechar mais os espaços, pois ocupa mais área do campo, o que com certeza ajuda a fechar mais a defesa, outra vantagem é que se forem todos iguais você usará a mesma força no controle da bola e nos chutes à gol com qualquer botão.

Porém se você coloca alguns atacantes pequenos, também leva a vantagem de poder penetrar melhor na defesa adversária visto que a distancia obrigatória de marcação entre os botões do mesmo time é a mesma o que significa mais espaço para passagem de botão menor.

Particularmente eu uso alguns atacantes menores.

2) Qual a altura Ideal?

A altura do botão está diretamente associada ao controle da bola e o chute a gol, isto por que quanto mais alto for o botão ele irá “cobrir” menos, por isso é fundamental que o botonistas teste várias alturas e verifique aquela em que mais corresponde a força natural que ele usa para chutar à gol.

Normalmente a tendência de quem está começando a jogar nesta Regra é ficar tentado a jogar com botões mais altos, normalmente por influência de outras Regras que já utiliza, com o tempo ele irá observar que não é vantagem jogar com botões na altura máxima.

3) Qual a melhor caída (ou grau) que o botão deve ter?

É comum se ouvir, “qual a caída desse botão?”

Assim como a altura, a “caída” ou ângulo (grau) do botão, são fatores decisivos para que o botonista possa determinar as características e modelos dos botões que mais se adequam ao seu estilo individual de jogo.

Esta “caída” é fator preponderante na escolha do seu time, esse ângulo (ou grau) é formado pela lateral do botão e a perpendicular que liga a extremidade da sua face e a base. (ver detalhe na foto que segue)

Quanto maior esse ângulo mais o botão irá “cobrir”, ou seja, menos será a força que o botonista fará para que a bolinha suba. Isso significa que dependendo da força e da distância que o botonista costuma chutar a gol o ângulo a ser escolhido deverá variar, por isso jogadores que jogam com botões finos e de “graus” maiores costumam chutar próximo ou dentro da área do adversário e consequentemente os jogadores que utilizam botões mais altos ou de graus menores são normalmente os chutadores de longa distância.

Veja qual é sua característica e escolha o ângulo do botão que melhor lhe convier.

A seguir apresentamos alguns desenhos com detalhes dos dois tipos de botões mais usados na modalidade 12 Toques.

MODELOS DE BOTÕES DECORADOS MAIS USADOS

MODELOS DE BOTÕES DECORADOS MAIS USADOS

A seguir vamos mostrar alguns detalhes destes dois tipos de botões

1- MODELO ARGOLA- Decorado

Modelo de Botão ARGOLA

Modelo de Botão ARGOLA

Este tipo de botão é o mais usado pelos botonistas da modalidade 12 Toques, o furo no meio do botão é conhecido como ARGOLA  e varia com o tamanho do botão, tem o objetivo de deixar passar o ar na medida em que o botão desliza na mesa. A variação do modelo é apenas no detalhe das cores e decoração e em uma pequena inclinação na sua parte superior que não é obrigatória (alguns botonistas preferem sem inclinação, ou seja reto em cima)

Atente aos detalhes na foto a seguir.

Detalhes Técnicos de um  Botão Argola

Detalhes técnicos do botão ARGOLA

Detalhes técnicos do botão ARGOLA

2- MODELO FECHADO- Decorado

Este modelo também conhecido por “TAMPA” é tambem muito usado pelos botonistas,  é comum se fazer alguns pequenos rasgos diametralmente opostos na parte de baixo destes botões, estes rasgos foi batizado por “chuteirinhas” e tem a mesma função de deixar passar o ar fazendo com que o botão deslize melhor na mesa.

Atente a foto de um botão decorado.

Botão Fechado - "Tampa"

Botão Fechado - "Tampa"

Detalhes Técnicos de um  Botão Fechado

Botão Fechado decorado

Botão Fechado decorado

A seguir vamos detalhar alguns pontos relevantes da parte de baixo do Botão.

Botão Fechado

Botão Fechado

A face inferior do botão não toca toda  no campo,  de modo a diminuir o atrito, apenas uma parte próximo a borda do botão desliza na mesa, esta área é chamada “área de atrito” e é praticamente a mesma para quase todos os tipos de botão, varia entre 4 e 6 mm.

O importante na parte inferior do botão é o quanto ele é “cavado” ou seja a profundidade que tem o botão após a área de atrito, quanto maior esta profundidade mais leve o botão fica.

Atente para a foto a seguir para ver estes detalhes.

Detalhes e medidas na parte inferior do Botão fechado

Detalhes e medidas na parte inferior do Botão fechado

Botão ARGOLA detalhe dos lados e decoração

Botão ARGOLA detalhe dos lados e decoração

Espero que os detalhes descritos ajude, principalmente aos novos Botonistas a escolher bem seus botões.

Qualquer informação adicional ou dúvida sobre os esclarecimentos, podem enviar suas questões e comentários, terei prazer em ajudá-lo.

Abraços

Armandinho

LIMPEZA DOS BOTÕES

    QUINTO  MANDAMENTO DO BOTONISTA

Zele pelos seus botões, mesmo que outras pessoas os achem feios ou mal feitos, mantenha-os sempre limpos e bem guardados, tenha sempre consigo todo material necessário para limpeza e conservação.

“O IMPORTANTE É SEMPRE TER UM TIME EM PERFEITAS CONDIÇÕES DE JOGO”

Assim como está descrito no 5º mandamento do Botonista escrito acima, segue umas “dicas” para que um jogador possa manter seus botões nas melhores condições de jogo.

Saliento que são sugestões particulares que costumo aplicar, existindo aqueles jogadores que usam outros métodos de limpeza com bastante eficácia.

Materiais necessários:

1- Uma flanela para aplicar o material de limpeza da parte inferior do Botão - Costumo usar  o  LIMPA VINIL

Almofada com o lado específico para uso do vinil

Almofada com o lado específico para uso do vinil

2- Uma flanela ou veludo fino para aplicar o material de limpeza da parte de cima do botão e na paleta - Costumo usar a  CERA de CARNAÚBA

ALMOFADA COM LADO ESPECÍFICO PARA A CARNAÚBA

ALMOFADA COM LADO ESPECÍFICO PARA A CARNAÚBA

3- Um pedaço de manta de borracha de 5mm – que servirá de almofada entre as duas flanelas costurando-se nas bordas, conforme foto anexada.

ALMOFADA DE BORRACHA COM DUPLA FUNÇÃO

ALMOFADA DE BORRACHA COM DUPLA FUNÇÃO

APLICAÇÃO

Normalmente os botões quando são novos precisam de uma boa limpeza para que fiquem em condições de deslisar bem no campo.

Normalmento o que faço:

1º) Esfrego a cera de Carnaúba no lado específico da almofada, preparada para tal e passo os dois lados do botão, verifica-se que se acumula um pouco do pó da carnaúba nos botões, esse excesso deve ser retirado com um pano ou outra flanela seca. Veja as fotos anexas

 

Limpando a parte de cima bo botão

Limpando a parte de cima bo botão

 

 2º) Passar apenas o lado inferior dos botões (parte que deslisa no campo) na flanela que deve estar emudecida pelo LIMPA VINIL. O ideal é sempre emudecer este lado da almofada no dia anterior a utilização.

Limpando a parte de baixo, flanela umidecida no dia anterior

Limpando a parte de baixo, flanela umidecida no dia anterior

Obs:

A cera de carnaúba deve-se passar todas as vezes em que for limpar os botões, porém a LIMPA VINIL só precisamos emudecer a flanela uma vez por mês. Com o tempo o lada da almofada específico para uso do LIMPA VINIL ficará com uma textura brilhosa e com uma crosta do material que será absorvido pela flanela, sempre faço este lado da almofada com duas mantas de flanela. (flanela dupla)

Você poderá observar entre os jogadores veteranos que ela sempre limpa os botões em uma flanela aparentemente velha, mas não ela está bastante usada e quanto mais velha melhor.

Limpa vinil e Almofada bastante usada

Limpa vinil e Almofada bastante usada

Normalmente, conforme pode-se ver em foto anexa, costumo usar flanelas de cores diferentes para usos diferentes ou seja uma cor para a CARNAÚBA (parte de cima do botão) e outra cor (flanela dupla) para o LIMPA VINIL, (parte de baixo do botão)

Espero que estas dicas possam ter ajudado a fazer seus botões deslizarem bem no campo.

Abraços

Armandinho

Os 10 Mandamentos do Botonista

1 – Não existe regra ruim e sim, opções e gostos diferentes, respeite, procure conhecer e se possível jogar todas elas, mesmo que tenha sua preferência não menospreze as outras.

“FAÇA CRESCER O BOTONISMO”

2 – Seja sempre honesto em qualquer situação, mesmo que não seja favorável a você”

“É MELHOR PERDER HONESTAMENTE QUE VENCER SABENDO QUE ESTÁ ENGANANDO A SI E AOS OUTROS”

3 – Procure saber tudo sobre o tipo de botão com que você joga, principalmente material de que é fabricado, tamanho, ângulo, peso, altura, sua melhor posição para o chute etc.

“SEJA DETALHISTA, SE VOCÊ NÃO CONHECE NEM OS SEUS BOTÕES NÃO PODE CONHECER O ADVERSÁRIO”

4 – Faça do botonismo seu hobby preferido.

“EM QUALQUER CIRCUNSTÂNCIA NÃO TROQUE SEU JOGO DE BOTÃO POR OUTRO ESPORTE”

5 – Zele pelos seus botões, mesmo que outras pessoas os achem feios ou mal feitos, mantenha-os sempre limpos e bem guardados, tenha sempre consigo todo material necessário para limpeza e conservação.

“O IMPORTANTE É SEMPRE TER UM TIME EM PERFEITAS CONDIÇÕES DE JOGO”

6 – Treine sempre, faça o maior intercâmbio possível, não se preocupe com o placar do treino, procure fazer jogadas mais difíceis neste treino para melhor aproveitá-las nas circunstâncias de sua necessidade nos jogos oficiais.

“JOGO É JOGO, TREINO É TREINO”

7 – Controle o sistema nervoso, procure sempre manter a calma, se concentre apenas no jogo e não se influencie com o extra campo ou com a qualidade da bola ou do campo.

“AS CONDIÇÕES SÃO IGUAIS PARA AMBOS E SEU NERVOSISMO SÓ FAVORECE O ADVERSÁRIO”

8 – Procure se concentrar no tempo de jogo, com este treinamento, depois de algum tempo você saberá se o jogo está no fim.

“ALGUNS SEGUNDOS PODERÃO SER IMPORTANTES NO FINAL DA PARTIDA”

9 – Não existe jogo fácil, jogue com a mesma responsabilidade todos os seus jogos, tenha sempre uma tática de jogo para sua necessidade, saiba como jogar precisando vencer, empatar ou até perder.

“O MENOSPREZO AO ADVERSÁRIO É O MAIOR ALIMENTO DA ZEBRA”

10 – Nunca jogue de costas, ou seja, com a paleta voltada para você, dê a volta no campo e jogue de frente, toda jogada é importante, a sua negligência pode causar resultado inesperado.

“NA JOGADA MAIS FÁCIL É QUE SE DEVE CAPRICHAR MAIS”

Se você cumprir à risca estes mandamentos certamente será um grande botonista.